segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

"...FeLiz AnO NoVo...dE NoVo!!!..."

Não ouso ter a ambição de ser reconhecida, ovacionada e aclamada por uma grande multidão que me aplauda de pé. O que desejo é estar feliz onde eu estiver, com quem eu estiver, no que eu estiver fazendo.
E esta é minha grande ambição para 2011!

=]

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

.pOeTizaNdoOoOo.

Não espere de mim
um beijo
que nunca te darei.
Não espere de mim
um carinho
que nunca te farei.
Não espere de mim
uma vida
que nunca viverei.
Não espere de mim
um alguém
que eu nunca serei.
Não espere de mim.
Não se desespere.
Não me espere.

=]

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

"...Que LeGaL!..."



Olá! Recebi um selinho de qualidade indicado pela Rosangela do blog: http://butterflyofblog.blogspot.com/
Agora preciso indicar 9 blogs, avisar seus titulares, e falar 9 coisas sobre mim. É isso! A baixo uma lista com os 9 blogs que recomendo, vale a pena conferir!
E agora 9 coisas sobre mim:
1- Amo gente.
2- Minha família é demais!
3- Sabrina e Nina são as melhores amigas do mundo.
4- Chocolate é indispensável na minha vida.
5- Sorvete é minha sobremesa favorita.
6- Vou casar dia 11 de setembro de 2011(?!).
7- Quero ser atriz.
8- Durmo com 3 travesseiros e o favorito se chama Dobrinha.
9- Tenho escoliose lombar.
Dá pra rir em alguns tópicos né?! Hehehe! Super abraço gente!

=]

domingo, 21 de novembro de 2010

"...BoRboLiTa..."


Mais uma vez recebi a visita de uma borboleta. Essa era bem grande e diferente. Com as asas fechadas era marrom com desenhos circulares que lembravam olhos, meio "séria" para espantar os predadores. Com as asas abertas era azul e vibrante, convidativa, nem parecia a mesma borboleta. Mas era.
Assim, fiquei a pensar nas pessoas e em mim mesma.
Quantas "metamorfoses" passamos na vida!
Mas mesmo essas mudanças não nos engessam. E em circunstâncias diferentes agimos de formas tão distintas que às vezes até nos perguntamos: "Eu disse isso? Eu fiz isso?"
Em determinados momentos estamos sérios e decididos, em outros estamos distraídos e casuais. E isso não é ser fingido, nem ter duas caras. Isso é ser sincero, é ser o que se é, sem medos, sem máscaras. Em cada circunstância, teremos uma ação-reação. Mas isso não muda quem somos, ao contrário, isso deve mostrar ainda mais nossa autenticidade.
Com asas abertas ou fechadas, uma borboleta é sempre uma borboleta. Mesmo que a borboleta perca suas asas isso não fará com que ela volte a ser lagarta, porque ela já se tornou borboleta, e com asas ou sem elas, nada poderá mudar isso!
(...fotos, faces, asas de uma mesma borboleta...)

(((Asas fechadas)))

(((Asas abertas)))



=]

terça-feira, 16 de novembro de 2010

.o.MuRo.dE.FeLiPe.

"É meio termo...
Não é sim,
não é não
É metade do caminho...
É acompanhado,
é sozinho...
É indecisão."

=]

segunda-feira, 8 de novembro de 2010

"...iuPiii!...Ele mE aMa!!!..."


Aí está um pedacinho do meu local de trabalho: a sala de aula. Como muitos sabem, sou professora de educação infantil. Meus ilustres alunos-cabecinhas-pensantes têm 2 anos de idade. Cada dia de trabalho é uma aventura, cheia de desafio e descoberta, para eles e para mim.
Entre tantas coisas que me fascinam nos meus alunos uma delas é a falta de preocupação em acertar. Isto não quer dizer que eles não tentam, não choram até que consigam algo, e que não queiram aprender. O que quero dizer é que eles não ficam preocupados, não ficam se remoendo, não passam noites em claro pensando naquilo que não fizeram direito, não se cobram, nem se culpam. Eles apenas perseveram. E ninguém precisou lhes ensinar isso, porque eles simplesmente não estão preocupados em acertar tudo para agradar alguém.
Eu entrego o papel e o giz de cera e explico: "Vamos desenhar círculos, fezendo voltinhas assim igual uma bola." E eles fazem do jeito deles. Depois perguntam: "Tá bonito profe?" Mas não esperando uma aprovação, eles simplesmente querem um consentimento para deixar a "hora da atividade" e partir para a brincadeira. Porque eles sabem que a "Profe Ade" vai ficar super orgulhosa e pendurar tudo no "Mural de Artes" de um jeito ou de outro. Para as crianças isso basta.
Não sei em que momento exatamente perdemos essa despreocupação e ficamos atordoados com as técnicas, formas, teorias e métodos. Não que isso seja errado, o errado é ficar preocupado com isso, andar ansioso por conta disso, cobrar de si mesmo uma perfeição inatingível.
Porque para Deus sempre seremos seus filhos, independente de erros e acertos.
E como todo pai orgulhoso, Ele simplesmente pendurará nossos rabiscos, que chamamos de desenhos, na parede e dirá orgulhoso para quem quiser ouvir: "Foi meu filho(a) que fez!"
Como não se sentir seguro com um Pai assim?
Concluo com as palavras do poeta Davi, desejando profundamente que hoje descansemos no amor dAquele que nos cuida sem pressa: "Tu és, ó Deus, o meu alto refúgio, o Deus que me ama". Salmo 59.17
=]

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

.VoLToU.

Como eu quis que seu abraço não terminasse
ou que você me abraçasse outra vez.
Seu perfume ficou na minha roupa
e eu sorri quando percebi isso.
Como eu quis que sua mão tocasse a minha
ou que você as segurasse sem pressa.
Você olhou para mim e sorriu
e eu sorri e te olhei também.
Como eu quis que você não se fosse
ou que eu pudesse ir com você.
Foram poucas as suas palavras mas,
para mim, elas foram minha música.
Como eu quis que você me notasse
ou que minha presença te fizesse feliz.
Me sinto rídicula escrevendo esse poema,
mas hoje, quando te vi, eu percebi as borboletas.
Eram bem poucas.
Mas estavam no meu estômago!
=]
(011110)

sábado, 30 de outubro de 2010

"...QuEm Ama o FeiO, bOniTo Lhe PaReCe?!..."


Tirei a foto do besouro e me diverti à beça com ele no quintal. Besouro bonito, diria eu. Que asqueroso, diria outro.
Depende da maneira de ver. Não existe um padrão de beleza. O que é belo pra mim pode ser feio pra você e vice e versa. Qual é a regra que dita o que é bonito e o que não é? Quem define isso?
Deus vê o interior, mas o homem vê a aparência. E é por isso que nos preocupamos em estar "apresentáveis" ou seguir as "tendências". Não acho que se seja errado se cuidar, andar bem vestido ou algo assim. Errado, na minha opinião, é definir as pessoas pelo que elas usam ou não.
Um coisa é certa: o pecado nos deixa feios. Feios em atitude, e às vezes até em aparência também. Quando nos entregamos à sutileza de nossos próprios julgamentos, preconceitos e egoísmos damos boas vindas à uma vida centrada em nossos rasos e medíocres argumentos ensimesmados.
E como é difícil não se render! Como é difícil não se entregar à tendência de ser o centro de nossa própria vida. Infelizmente o pecado é uma "moda" que pega fácil. E nos deixa amargurados, desgostos da vida, tristes e sem perspectiva. Há beleza nisso?
Contudo, o mundo não é/está de todo ruim. Ainda há beleza, encanto e doçura. Ainda podemos perceber Deus nas pequenas coisas: no sorriso de uma criança, no andar vagaroso de um velhinho, no bolo quentinho que a mãe dedicada acabou de fazer, no violão tocado ao relento, no trovão em meio a tempestade, no abraço entre amigos, nas lágrimas de esperança, no pedido de perdão, no besouro.
Definir feio e bonito demandaria muitas postagens inconclusivas neste blog. Mas o que éTamanho da fonte certo é que a presença de Deus nos transforma. Quando Deus habita em nós tudo muda. O coração se enche de alegria, esperança e desejo de viver. Há feiura nisso?
Quanto ao que é feio ou não, bonito ou não, as opiniões sempre vão se divergir e se contestar, mas não podemos negar que é "o coração alegre que aformoseia o rosto." Provérbios 15.13

=]

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

"...VôO iNesQueCíVeL..."



Segurança.
Dia 10 de outubro de 2010 fiz um salto duplo de parapente. Não, não sou eu na foto, eu apenas tirei esta foto. Meu salto foi lindo, 25 minutos no ar fazendo manobras radicais e rindo até não aguentar mais com o "louco" do instrutor que foram me arranjar. Que coisa incrivelmente maravilhosa, ainda mais pra mim, que amo aventuras. Foi simplesmente: perfect! Mas o que mais me chamou atenção naquele dia foi esta imagem que fotografei. Um salto triplo. O instrutor, o jovem rapaz e sua pequena filha de 5 anos. Acreditem!
A pequena loirinha saltou de parapente feliz da vida, com um sorriso que não cabia no rostinho dela de tanta alegria. Ela queria muito fazer isso, mas confesso que imaginei que ela desistiria quando chegasse a hora. Mas, depois de esperar muito tempo para chegar sua vez, ela não desistiu. Nem sequer ficou com o sorriso amarelo, nem fez cara de quem quer mudar de idéia. Em nenhum momento ela titubeou. Por alguns instantes não consegui entender como ela poderia estar tão segura.
Depois de equipados com todos os apetrechos, o instrutor disse: "Vamos saltar enfim". O pai da menina olhou para ela e assegurou: "Tudo bem filha, lembre-se que eu estarei com você todo o tempo." Ela, ainda com o sorriso, simplesmente balançou a cabeça afirmativamente. Aí eu entendi: ela estava segura, ela estava com o pai!


=]

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

.DiSciPLina.

Desacelere.
Pare.
Dê dois passos para trás.
Respire.
Ouça bem.
Reconsidere.
Contemple.

Depois sim,
devagar e
em solitude:
avance.

=]

(150810)

terça-feira, 5 de outubro de 2010

"...TraNsForMadOs PaRa TraNsFormaR..."


Nos dias 01, 02 e 03 de outubro estive em Canoas-RS, na Igreja Batista Filadélfia de Canoas (IBFC), participando e ministrando no Congresso de Louvor e Adoração Transformados para Transformar. Foram 4 monólogos ministrados durante o evento: "Ele Vem Para Jantar" (6ª de noite), "A Caixinha" (Sábado de manhã), "Revolução do Amor" (Sábado de noite) e "Não é o Fim" (Domingo de manhã). Estavam ministrando também o Pr.Gerson Ortega e os músicos Rafael Ortega e Matheus Ortega da Banda Ortegas, de São Paulo. Sem contar todos os inúmeros congressestias de vários lugares do Rio Grande do Sul que estiveram participando. O congresso foi organizado por uma grande amiga, Priscila Silva e promovido pela IBFC. Foi um final de semana maravilhoso cheio das surpresas de Deus para a vida de todos que estiveram lá. O melhor de tudo é saber que ganhei uma nova família no Rio Grande do Sul!
Saudades já!
Confiram algumas fotos.

(((Igreja Batista Filadélfia de Canoas-RS)))



(((Monólogo "Ele Vem Para Jantar")))




(((Manaí, a contadora de histórias)))


(((Monólogo "A Caixinha")))



(((Manoela, esperança compartilhada)))



(((Esperança que transforma)))





(((Monólogo "Revolução do Amor")))


(((Cecília, iluminar levando alegria)))




(((Amor que transforma)))




(((Rafael Ortega, Matheus Ortega, Adelita Siqueira, Priscila Silva e Gerson Ortega: momento de interação com os congressistas)))




(((Monólogo "Não é o Fim")))





(((Eclésya, cumprindo um chamado)))




(((Propósito que transforma)))






(((Jovens transformados para levar transformação!)))
=]


terça-feira, 28 de setembro de 2010

"...PaRa oNdE VaMoS?..."



Dirigir.
Faz, aproximadamente, 1 mês e meio que tirei minha carteira de motorista. Eu não sabia dirigir antes. Então informo e afirmo, sem vergonha nenhuma, que não sou boa motorista... ainda.
Estou aprendendo.
Vou pra lá e pra cá dando "carona" para meu pai, que me instrui em cada "passeio". É uma aventura dirigir. Eu erro, mas me divirto. Às vezes me irrito e me decepciono, chego a pensar que dirigir não é pra mim. Mas, não desisto não.
Estou aprendendo.
E o melhor em "aprender", é que você não tem que saber tudo e ser perfeito. Tudo é um processo. E a vida está cheia deles. O melhor é saber que, assim como meu pai terreno fica ao meu lado me ajudando e me instruindo para que eu chegue sã e salva ao me destino, meu Papai do Céu me conduz e dirige meus passos.

=]

sexta-feira, 17 de setembro de 2010

.ReSpiRar.

Alguns escrevem,
cantam,
pintam,
dançam,
tocam.

Mas alguns
nada fazem.

Respiram apenas.

Contudo,
viver também
é uma arte.






=]
(050610)

terça-feira, 7 de setembro de 2010

"...mUiTo oBriGaDa!..."



Não estava nos meus planos completar 24 anos. Mas estava nos planos de Deus. E eu estou feliz por Ele ter feito isto. Estou feliz por chegar até aqui como uma mulher jovem, feliz e cheia de vida.
E esta alegria se completa com a presença da minha família e dos meus amigos. Neste dia, me senti amada. E presente nenhum é mais valioso que este.
Agradeço a todos que vieram à minha casa e me abraçaram e se divertiram na cama elástica. Agradeço aqueles que ligaram, enviaram mensagens e torpedos. Agradeço aqueles que não puderam estar aqui mas que de alguma forma expressaram seu amor.
Obrigada!
É muito bom estar viva e fazer parte da vida de cada um de vocês.
=]

terça-feira, 31 de agosto de 2010

"...ADIante..."

"Deus te deu um talento enorme, e vai te usar muito pra tocar pessoas com a sua arte... Com seu talento com sua interpretação. Que você sempre use isso para Deus e Ele sempre vai te abençoar. Quando Deus te desenhou Ele quis que você fosse deste jeitinho... Pra você continuar desenhando e pintando corações borrados e sem cor!!!"

Palavras de encorajamento que vieram na hora certa para meu coração.
Obrigada, Maya, pelas palavras e pela conversa abençoadora nos primeiros minutos do dia 30 de agosto de 2010.
Prosseguirei...

=]

domingo, 29 de agosto de 2010

"...ConViTe a TodOs..."

video

Congresso de Louvor e Adoração Transformados para Transformar em Canoas-RS, dias 1,2 e 3 de outubro de 2010, na Igreja Batista Filadélfia. Participe!

=]

sexta-feira, 20 de agosto de 2010

"...esToU aMandO..."

Não gosto muito de romances. Geralmente são excessivamente útopicos, simplistas e descartáveis. Exageram nas facilidades e relevam questões chaves que se colocadas em questão poderiam fazer do romance uma tragédia. Dificilmente um romance ganha minha audiência. Não que eu seja contra o amor ou algo assim, ao contrário, sou tão a favor do amor que me nego a aceitar certos romancezinhos que o banalizam de forma insensata.
Com minhas indignações à parte, me pego a considerar o fato de que nossa vida não passa de uma experiência de amor. Mas não desses casinhos românticos onde tudo se resolve com uma conversa sob o luar e um pedido de desculpas, e onde o casal se isola num egoísmo apaixonado. Não mesmo. Falo de uma experiência real de amor. Cheia de dúvidas, medos, renúncias, responsabilidades, compromissos e privilégios.
Fomos feitos com amor, por amor e pelo Amor.
De várias formas Deus "chama" nossa atenção e busca nos atrair para viver esse amor. Mas errantes e rebeldes nos conformamos com paixões e flertes passageiros.
Queremos viver um grande amor mas não queremos nos comprometer com ele. Preferimos o jeito mais fácil, que nem sempre é o jeito certo. Preferimos até uma paixãozinha "água com açúcar" do que o privilégio de amar.
Mas não quero ficar com dor de barriga. Desejo viver essa experiência de amor que é a vida com Deus. Desejo escrever com minha vida a poesia desse amor. Com meus medos, erros, fracassos e "boas" intenções, com o perdão, misericórdia, correção e graça Dele, desfrutaremos dessa experiência de amor.
Uma experiência que não aliena, mas que nos move a convidar outros para escrever novos versos da poesia desse amor. Não será poesia feita de romancezinhos imbecis, mas será a poesia da vida e de tudo de bom e de ruim que vem junto com ela. Pois chorar também faz parte do amar. E voltar a sorrir é o dom que recebe aqueles que mesmo com dor confiam no amor de Deus.
É preciso contar ao mundo.
É impossível não compartilhar um amor tão grande assim.
Estou amando-O! Que todos saibam!



=]

domingo, 15 de agosto de 2010

.dEsiLuSõEs.

Faz parte da vida o chOrar e o sOrrir...
...O sOnhar e o realizar...
Faz parte da vida se desiludir,
para então,
se iludir nOvamente.
Fases.

=]

domingo, 8 de agosto de 2010

"...FeiToS paRa sErmOs DeLe..."

"Bom dia na graça e na paz de Jesus!
Meu nome é Adelita, sou neta da irmã Isabel.
Sabemos que ninguém está aqui buscando mérito algum, mas se vamos honrar alguém então prestemos honra a quem a honra é devida. É por esta razão que este breve texto, que será lido para todos vocês, é dedicado mormente à família: ao meu avô, à minha mãe, minhas tias, meus tios, minhas primas e primos.
'Fomos feitos para ser de Deus. Somos eternamente Dele. Portanto sabemos que há vida após a vida.
A dor e a saudade não devem ser abreviadas, nem as lágrimas impedidas. Ninguém tem que ser forte agora, porque somos fracos, somos barro, somos pó. Temos apenas que confiar que Deus nos ama e por isto a excelência do poder Dele se aperfeiçoa em nossa fraqueza.
Estamos com nossos corações despedaçadamente esparramados diante da morte física, mas a vó Isabel está plenamente realizada agora. Pois quando somos inundados da completude da vida de Jesus, nosso corpo, que é barro, que é vaso, se quebra; não suporta gloriosa plenitude. E mesmo quando ele se rompe, a vida de Deus em nós permanece sendo eterna.
Veremos outra vez a vó Isabel. Nos veremos com Jesus, não por causa da morte, mas porque, assim como ela está agora, nós também estaremos um dia: completamente e eternamente vivos com Deus!
Sim, estamos tristes, mas não, jamais, sem esperança.
E quem diria, depois dessa breve introdução, que é nossa vida aqui na Terra, a história da vó Isabel, agora sim, está apenas começando e precisará de toda uma eternidade para ser contada.'
Com muito amor, obrigada!"

=]
(Lido no culto fúnubre realizado na manhã de 08 de agosto de 2010.)

sábado, 7 de agosto de 2010

"...LuTo..."

Hoje pela manhã, aos 79 anos, Isabel Maria Pereira dos Santos, minha vózinha materna, faleceu. Ela está plenamente realizada agora.
Estou triste mas não sem esperança.
"Saudades, vózinha!"

=/

terça-feira, 15 de junho de 2010

.a.CaiXa.CoLoRidA. (PARTE III)

(...continuação)
Com a chave ela abriu a caixa. Naquele momento ela viu quanta coisa havia ali. Umas eram lixo. Podridão. Cheiravam mal. Outras precisavam ser recicladas, reaproveitadas, refeitas. E algumas necessitavam ser usadas com urgência. Sem mais nenhuma espera ou exigência. Eram coisas demais para serem organizadas. Muita confusão, muito conflito, muita informação. Era tudo muito velho e muito novo ao mesmo tempo. Doía demais e era ao mesmo tempo libertador. Abrir a caixa colorida não somente a poupou de um suicídio egoísta como a fez ter uma perspectiva boa do que era viver. Mesmo com tantas coisas para arrumar, tudo já estava sendo consertado de certa forma.E agora, enquanto ela esvazia a caixa seu coração também é preenchido. O vazio é a possibilidade de coisas novas. O preenchimento é a certeza de que elas já estão chegando. Por isso o vazio da caixa e o conteúdo do coração têm o mesmo nome, e isto é o que ela passou a chamar de EsPeRanÇa.
=]
Em 27 de outubro de 2009.

quinta-feira, 10 de junho de 2010

"...50 aNoS!..."

Menção especial ao aniversário daquela a quem, com orgulho, chamo de mãe!
Parabéns, mamãezinha!
=]

terça-feira, 1 de junho de 2010

.a.CaiXa.CoLoRidA. (PARTE II)

(...continuação)
Foi em uma grande odisséia que ela encontrou o Senhor do Tempo (que é o Eterno Pai do grande deus Niurion), o Cavaleiro do Escudo Vermelho, (que é aquele para quem tudo teve início e terá fim), e o Grande Poeta (que é o Escritor que o Senhor do Tempo enviou para confirmar seus decretos) e eles lhe revelaram como encontrar a chave. E isto já é uma história a parte. O importante agora é saber que a Donzela das Flores nos Pés, que é a Quarta Irmã da Borboleta Colorida, a ajudou a desfazer o laço vermelho. Foi aí que o caminho para encontrar a chave começou a se desvendar conforme já havia anunciado o Senhor do Tempo, o Cavaleiro do Escudo Vermelho e o Grande Poeta. E foi assim, debaixo da sombra do assombroso Ipê Amarelo, que ela encontrou a Valente Sábia do Pastoreio, que é a filha da filha da Mulher do Coração de Ouro, que é uma das poucas que ainda ouve de Sofia tudo o que ela lhe conta sobre o Senhor do Tempo e seus decretos, e isto também já é uma história a parte. O importante é saber que foi ela que lhe entregou a chave perdida. Na verdade a Valente Sábia do Pastoreio nem se quer sabia que possuía a chave perdida até o momento que colocou a mão no coração para procurar. E encontrou. Ao entregar a chave para ela a Valente Sábia do Pastoreio ficou preocupada: a chave era muito pesada para a outra carregar. Mas era preciso abrir de uma vez a caixa colorida e esvaziá-la. Pois se a chave era pesada, a caixa era ainda mais. Com a chave na mão ela se despediu da Valente Sábia do Pastoreio e prometeu lhe trazer dos seus próprios frutos para que esta pudesse saborear na outra primavera. Ela correu até o Refúgio dos Guerreiros da Profecia, onde morava a Donzela dos Pés das Flores e lhe mostrou a chave. Ela não falou palavra alguma. Mas isto não quer dizer que ela não tenha dito nada. Ela disse muito sem falar. Como o laço já havia sido desfeito a Donzela dos Pés das Flores a ajudou a abrir a caixa colorida por um tempo encaixando a chave na tranca, depois ela precisou girar a chave sozinha.
(continua...)
=]
Em 27 de outubro de 2009.

quinta-feira, 27 de maio de 2010

.a.CaiXa.CoLoRidA. (PARTE I)

Ela tinha uma caixa. A caixa era dela. E lá dentro tantas alegrias. E lá dentro tantas tristezas. Segredos. Medos. Vergonhas. Sorrisos. Sonhos. Frustrações. Tempos bons e ruins. Cartões dos melhores e dos péssimos. Mas nada fora compartilhado até aquele momento. Estava tudo bem guardado, fechado e escondido dentro da caixa colorida.
Não que não houvesse o interesse em abri-la. Mais que isto. Havia a necessidade. Mas na mão de uma criança a chave acaba se perdendo. E foi assim que aconteceu. Dessa forma ninguém a havia encontrado. Não que não tivessem procurado a tal chave, mas acho que no fim ela não queria encontrá-la. E por isso, depois de um tempo, não pediu mais ajuda a ninguém.
A caixa colorida de fita larga e vermelha continuou lá. Fechada. De alguma forma ela conseguia colocar coisas dentro da caixa, mas sem a chave ela não conseguia abri-la para tirar ou rever essas e outras coisas. A caixa colorida estava fechada com o laço, mas só uma chave poderia destrancá-la. Sim, tudo muito confuso. Porque, de certa forma, ela também era assim. Sua caixa era como ela, ou ela era como sua caixa. Ninguém sabia mais ao certo, nem ela mesma.
E lá, perdida em algum lugar, ficou a caixa colorida. Ela sempre ia visitá-la para guardar alguma coisa. Mas nunca mais tentara abri-la até então. Na verdade, ela ficou anos sem se quer contar a alguém que guardava uma caixa colorida. Os novos amigos não sabiam da existência dela, e os velhos já achavam que a caixa colorida era só uma invenção fantasiosa.
Mas um dia, por mais bem elaborada que seja, a endrominante retórica não convence mais ninguém. Por isso ela se cansou de tentar convencer a si própria. Sem discursos para se apoiar, ela já tinha decidido que tudo acabaria de vez. E o que nem se quer começara encontraria seu fim. Foi quando ela se lembrou da caixa, era a única coisa que talvez a ajudasse a querer continuar vivendo ou lhe mostrasse até o que era viver. Então, ela quis desesperadamente abrir a caixa, a sua caixa colorida. Precisava disso mais que antes. Mas, e a chave?
(continua...)

=]
Em 27 de outubro de 2009.

quinta-feira, 13 de maio de 2010

.InEsPeRaDa.RoTinA.

Ás vezes não esperamos nada
Escovamos os dentes
Colocamos o tênis
E caminhamos pelas ruas.

As vezes o inesperado acontece
Um estranho diz “olá”
Esquecemos o guarda-chuva
Ficamos sem dinheiro para o ônibus.

As vezes corremos como loucos
Vaidade quer vaidade
Mas as vezes, inesperadamente,
Esperamos...
=]

segunda-feira, 10 de maio de 2010

"...SenTaR & sE aQuieTaR..."


Comtemplar.
Parar, sentar, observar e perceber a beleza no simples.
Contemplar é o que nós falta. Hoje só admiramos. Admiramos grandes feitos, grandes construções, grandes conquistas. Ficamos perplexos e admirados. E ficar admirado não é ruim.
Mas pracisamos nos voltar para o simples. Para as gostas da chuva nas folhas dar árvores, para o vento bagunçando o cabelo, para a sensação de andar descalço nas pedrinhas, para a cócega que uma minúscula formiga pode fazer ao andar em nosso braço, para o céu azul "limpinho" (sabe, quando não tem nuvem), e para o som do trovão.
Simplesmente comtemplar aquilo que acontece em nossa volta todos os dias, mas estamos tão ocupados com nossa admiração em feitos grandiosos que nem percebemos. Precisamos sentar, tranquilos, para cotemplar o pôr-do-sol ou para "ouvir" a grama crescer.
Parar, sentar, contemplar.
Contemplar a natureza, sim. E contemplar aquilo que mais nos passa despercebido: as pessoas. Como diz o poema: "Oh, Deus! Que amor é este que Tu tens? De nos ter como o bem mais precioso de todos os teus bens?" Contemplar as pessoas é perceber a simplicidade da complexidade humana, e nesse contemplar perceber Deus. Pois Ele se manifesta nas obras criadas por Ele, mas é nas pessoas que Deus habita.
Então, convide uma pessoa, sua mãe, irmão, primo, namorada, melhor amigo, para contemplar a beleza no simples da vida. Parem, sentem-se e contemplem.
Ainda há tempo. Amanhã há um outro pôr-do-sol.
=]

sábado, 1 de maio de 2010

.pOemiNha.BáSicO.

Não se vá
sem motivos
Não se entregue sem conselhos
Há uma rua mais excelente,
ainda que o caminho seja mais estreito.
=]
27.3.10.

quarta-feira, 28 de abril de 2010

"...22 dE abRiL dE 2010... qUinTa FeiRa..."


Só para constar que este dia foi lindo e especial demais. Não foi sem razão que chorei.
É... A amizade não é uma grande coisa que acontece uma vez na vida. A amizade é feita de milhares de pequenas coisas que acontecem todos os dias e mudam tudo em nossa vida!
"Sabrina, você é o presente inesperado que eu tanto esperava!
Te amo, amiga!"
=]

domingo, 18 de abril de 2010

"...PenSandO aPeNaS..."


Amanhã pode ser tarde demais. Sua única certeza é o hoje. Aproveite-o como se fosse sua única e última chance.
Comece seu dia com Deus, termine seu dia com Ele!
Os momentos são passageiros mas as lembranças são eternas. O que está na eternidade de suas memórias?
Não deixe a vida marcar seu fim, sem antes marcar a vida de alguém.
Faça a diferença! Influencie uma geração.
Faça o bem. Trabalhe dignamente!
Perdoe, hoje!
Livre-se do lixo. Limpe seu interior. Remova a pedra, mesmo que cheire mal. Melhor o péssimo odor do lixo sendo removido, do que a podridão de lixo entulhado dentro de você.
Sorria pelas ruas.
Ore sinceramente, nem que seja por apenas 5 minutos. Lembre-se: alguma coisa é melhor que nada.
Ame a si mesmo.
Ame as pessoas.
Ame a Deus em primeiro lugar.
Fale a verdade. A honestidade sempre fará de você um vencedor!
Não esqueça dos amigos. E demonstre que você não os esqueceu.
Não deixe secar seus olhos, pois seu coração também secará.
Permaneça firme. Uma pessoa madura é aquela que não se deixa levar.
Aceite a critíca de seus verdadeiros amigos.
Não esqueça que obediência requer mudança. Mude o que for preciso.
Use maquiagem quando for necessário. Mas não se esconda atrás dela.
Ame com muito mais entrega sem esperar que os outros te amem também!


=]


2005

terça-feira, 13 de abril de 2010

"...52 aNoS!..."

Menção especial ao aniversário daquele a quem, com orgulho, chamo de pai!
Parabéns, papaizinho!
=]

sábado, 10 de abril de 2010

.a.OraÇãO.dA.mEniNa.PeRdiDa.

Estou aqui pensando...
Queria ser mais forte e corajosa
Enfrentar meus medos e não fugir deles.
Enquanto chove lá fora
minha alma chora bem dentro de mim.
Desejo amar a vida.
Almejo reconhecer sinceramente que a vida é bela.
O valor do sacrifício Dele
tem que me trazer alegria...
Mas preciso reconhecer esse valor.

Oh, meu Deus!
Me ajude a desfrutar da alegria de viver.
A alegria plena que está em Ti
A alegria que Jesus consquistou na cruz.
Me prenda a Ti com laços de amor
Assim minha vida fará sentindo
e minha alegria será completa.


Em 02 de setembro de 2006.



=]

sexta-feira, 2 de abril de 2010

"...DeUs PrOcuRa..."


Há um louvor que expressa a adoração genuína a Deus. Não é uma musica especifica, uma composição pronta, um acorde ensaiado. Mas é um louvor espontâneo que brota dos lábios daquele que tem um coração contrito e quebrantado.
Aquele que ama de verdade se entrega em adoração. Não por ritualismo, sentimentalismo ou obrigação. Simplesmente aquele que ama adora com tudo o que faz, pois apenas com uma canção da boca pra fora Deus não se comove e não se satisfaz.
Ele quer bem mais que isso daquele que se diz adorador. Ele quer a vida, os sonhos, a ferida e a dor. Ele quer ouvir a confissão do pecado, curar as dores do passado, aliviar o fardo que tantas vezes o coração carrega. O adorador é um filho que entende que é amado. E quem ama sorri, e mesmo quando chora, adora e se entrega.
Todo tipo de gente procura por Deus: negros, brancos e amarelos, altos, baixos, gordos, magros, desajeitados e belos, bons, maus, católicos, espíritas, umbandistas, evangélicos, ateus e cientistas, doentes, sãos, mestres, doutores e analfabetos, crianças, jovens, velhos, tímidos e indiscretos, cozinheiros, palhaços, cantores e por aí vai.
Mas há apenas uma classe de gente que Deus procura: os verdadeiros adoradores que em espírito e em verdade amam e adoram o Pai.
E é com a vida que se adora! Pois ela é nossa maior expressão de louvor a Deus!






=]

terça-feira, 30 de março de 2010

"...PerGunTaS & PenSaMenToS..."

Que dia é hoje?
Será que vai chover?
Por que tudo junto escreve separado e separado escreve tudo junto?
Andar na moda está na moda?
Por que milho verde é amarelo?
Por que tenho que ir trabalhar se quero ficar em casa?
Que ônibus eu pego para ir ao centro?
Por que os melhores amigos tem que ir embora?
Por que preciso de dinheiro pra quase tudo?
Como se dá um bom nó de gravata?
Devo levar meu guarda-chuva?
Será que...?
E se...?
Por que...?
Como que...?
Perguntas!Perguntas!Perguntas!
Quem está disposto a ouvir as respostas e sem perguntas OBeDeCeR???
=]