segunda-feira, 14 de maio de 2012

.Uma.LiÇãO.SoBre.TraNsForMaÇãO.


"A lagarta é tão feia
feia, feia que dá dó.
Se arrastando pelo chão,
sempre feia e tão só.

Mas se ela ao menos ousar
em uma árvore subir,
ficará em seu casulo
até o tempo de sair.

Terá de ficar quieta
e fechada em seu cantinho.
Abrir mão dela mesma
pra entender o seu caminho.

É um processo doloroso,
É difícil - que dureza!
Mas o sofrimento de hoje
se torna amanhã em beleza.

A lagarta tão só e feia
precisa tomar uma decisão:
permanecer como nasceu
ou viver a transformação.

A lagarta é tão feia,
feia, feia que dá dó.
Mas passou pelo casulo
e, agora, vejam só!"

(007008)

3 comentários:

  1. Que lindo Ade. Como tu coloca cada palavra em seu devido lugar com tanta beleza. Parabéns amiga!

    ResponderExcluir
  2. Então tá,
    Vamos lá...
    Essa coisa toda de lagarta só me fez pensar em uma coisa...
    E foi justamente que nós, de forma geral, somos lagartas de tempos em tempos, entrando e saindo do casulo, pra cada vez alçar voos mais altos!
    Abraços Ade...
    Como sempre arrasou......................

    ResponderExcluir
  3. Cara... Cada dia que passa viro mais teu fa. Vc escreve bem d+

    ResponderExcluir