quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

"...DePoiS dO InFeLizMenTe..."


Infelizmente, até as mais belas flores murcham um dia. A beleza delas é efêmera. É por isso que precisamos plantar novas sementes todos os dias. Preparar a terra, plantar, adubar, regar. Deixar que venha o sol e a chuva.
Infelizmente, não podemos evitar as lágrimas. Mas elas são necessárias também. Pois regam o coração permitindo que uma nova esperança brote e até mesmo outras lágrimas. Aquelas parcimoniosas lágrimas de alegria.
Felizmente, como diz um poema "se não houver tempestade a terra não florescerá". Sem chuva não nasceriam novas flores, sem flores não haveriam borboletas, sem borboletas não poderíamos sonhar, eu, ao menos, não poderia.
Felizmente, têm certas coisas que jamais devemos aprender a sentir e falar sem que nossos olhos estejam marejados e nosso coração comovido.
Carpe Diem!

=]

6 comentários:

  1. Adelita, que lindo texto! Felizmente precisamos do INfelizmente. Que loucura, nao?! ;) bjo. Germana

    ResponderExcluir
  2. Isso ai ... belo texto! Parabéns mana! bjos , Angel

    ResponderExcluir
  3. amo ler teus textos prima, sempre sou inspirada a pensar e sonhar alem, a ousar sair do preto e branco e acreditar que felizmente depois da noite chega um lindo amanhecer....
    Lindo adi, parabens ! beijoss , Kelen

    ResponderExcluir
  4. Lindo texto amiga!
    Lembrei do Salmo 126. Aqueles que semeam com lagrimas com jubilos ceifaram.
    Devemos, sim, continuar plantando.

    Bjos!!!

    ResponderExcluir
  5. A Biblia tem um versiculo que diz: "Ao homem esta ordenado morrer uma só vez e depois disso virá o juizo" Hebreus 9.27
    Entao quando li suas lindas frases poeticas nao pude sentir outro sentimento senão aquele que as pessoas sentem quando acabam por perder algo, se arrependem de nao ter tido sabedoria suficiente para tomar uma decisao.
    Claro que existe a lei da renovaçao, o ciclo tem que seguir seu curso, ha coisas que jamais impediremos que aconteçam.
    A vida e a morte sao algumas destas.
    No se pode interromper o ciclo da vida e de igual modo é impossivel interromper o ciclo da morte.
    Só que existem muitos meios para passar por eles com satisfaçao e contentamento.
    Aquele que nao atentar para isso poderá seguir repetindo sua frase Adelita, ou simplesmente o titulo que deu ao seu escrito: "...depois do infelizmente..." e dai??

    ResponderExcluir
  6. Ade minha amiga, como me enche o coração ler tuas palavras. Elas revelam muito mais que beleza, desnudam o que há de melhor dentro de ti. E isso é lindo! Obrigada por compartilhá-lhas conosco, teus admirados leitores.
    bjo da Pri

    ResponderExcluir