domingo, 15 de janeiro de 2012

"...No LiMiTe da CoMpLaCênCia.."


Por um momento, ele e eu, olhamos para o mesmo horizonte. Experiência e aprendizado. Sabedoria e incostâncias. Histórias contatadas por ele, sonhos cultivados em mim. Tenho aprendido a aprender com pessoas como ele.
Cada dia que passa tenho entendido que não é pra qualquer pessoa que a gente conta nossos sonhos, que a gente escreve cartas, que a gente abre o coração, que a gente lê nossos poemas. Fazer uma dessas coisas por "hábito" apenas seria como jogar pérolas aos porcos. Há pessoas e momentos pra se fazer cada uma dessas coisas. É preciso saber quando compartilhar os segredos do coração e entender quando ficar em silêncio. E silêncio não é apenas ficar quieto, mas é saber quando ouvir.
Tenho aprendido também que não preciso emprestar meus ouvidos para aquilo que não me acrescenta, não me edifica, não me torna melhor. Não sou obrigada a ouvir quem não me conhece me dando conselhos que não pedi a respeito de coisas que nunca compartilhei. "Cada um tem aquilo que tolera". Eu já não tolero mais certas inconveniências. Não tenho mais disposição para atender aos desejos dos outros para agradar. Estou no limite da minha complacência, se é que ainda tenho alguma.
Então não preciso perder tempo com quem quer apenas me julgar, sem me conhecer, sem saber minha história, sem camihar comigo mais uma milha.Tenho referências pra seguir. Exemplos pra admirar. Pessoas que não abriram mão de seus princípios, apesar de dificuldades. E é com elas que quero aprender mais e mais a cada dia. Pessoas que valem a pena investir tempo, amizade e carinho. Pessoas que me amam mesmo não concordando com tudo, mas que me aceitam como sou. Não preciso mendigar a aceitação de estranhos, nem de conhecidos.
Enquanto algumas pessoas estão ocupadas me julgando e condenando, pego um banquinho e me assento com aqueles que, mesmo por um momento, podem olhar comigo para o mesmo horizonte. Pois o que importa pra mim é aprender com quem, realmente, tem algo para ensinar.
Que em 2012 a gente poupe esforços para tentar agradar todo mundo e invista em quem realmente vale a pena.
Carpe Diem!

=]

9 comentários:

  1. Que verdade, que profundo...Cansei disso tbm...

    bjo da Angel

    ResponderExcluir
  2. Amei essas palavras de sabedoria...Parabéns Ade...Bjs

    ResponderExcluir
  3. Nossa amiga! Vc disse tudo.

    O texto todo resume o que eu tambem penso. E fico feliz em saber q vc é uma dessas pessoas que eu faço questão de andar ao meu lado. Pq algo q aprendi na nossa amizade. Quando Deus determina uma amizade distancia nao é empecilio. Apesar de muitas vezes senti saudade meu coração se conforta ao saber q independente onde vc esteja eu saberei q está cumprindo o chamado de Deus na sua vida.

    Te amo.
    E quero continuar andando c vc desses proximos anos.

    Bjos
    Mel

    ResponderExcluir
  4. Posso compartilhar???
    Porque vc me leu...
    escreveu o que estah escrito nos lugares mais íntimos em mim...

    ResponderExcluir
  5. Guilherme Gonçalves Velho17 de janeiro de 2012 12:05

    Não jogue pérolas aos porcos, ou eles, voltando-se contra ti, te dilacerarão...
    é sério assim!

    Um abraço Adelita Siqueira.

    ResponderExcluir
  6. Copiei e coleiii!!! kkkk tah no meu blog! e é lógico que citei a autoraaa!!!
    Bjuuuu

    ResponderExcluir
  7. Adeliiiita, minha pequena gigante!!!!! Mas bá. Adorei, simplesmente, porque é bem isso. Essa peneira é fundamental. Precisamos tê-la em mãos, como o item numero 1 do kit de primeiros socorros. Gd beijo

    ResponderExcluir
  8. Complacência...
    Nem sei o que pensar a respeito...
    Lidar com o ser alheio é uma arte...Requer paciência...Tolerância...E muito amor abengado, diria.
    É verdade que o amor que muito exige abnegação por vezes é um amor infrutífero...
    Meu Deus, como a complacência é uma linha tênue! Não podemos errar com os outros, entretanto é preciso fidelidade a nós mesmos, aos nossos bons sentimentos...Em fim, com tudo isso a gente acaba aprendendo...
    Oxalá pudessemos pular essa parte!
    Valeu Ade, estou mega reflexivo...Eu também tenho tido as minhas dificuldades no trato com o outro...

    No + um gde abraço viu?
    Té.....................

    ResponderExcluir
  9. Meu Deus!
    Tudo que você escreveu eu estou vivendo.
    Sem palavras (em todos os sentidos)...

    ResponderExcluir