segunda-feira, 14 de novembro de 2011

.a.ViDa.É.uMa.CoNsTânCia.

A vida é um constância de alegrias e tristezas
Um dia a gente sorri, um dia a gente chora e no outro dia também

A vida é uma constância de dias que parecem iguais
Os relógios marcam os mesmos segundos de um tempo conceitual

A vida é uma constância de uma esperança insistente
Uma promessa presente que é muito mais que ambages

A vida é uma constância daquilo que se escolhe
Ou choro por não ter sapatos ou agradeço por ter pés

=]

3 comentários:

  1. Guilherme Gonçalves Velho14 de novembro de 2011 08:28

    Na vida a gente faz os caminhos...mesmo que a estrada seja sombria e escura, o modo de caminhar é a gente que faz. Se escolhermos caminhar com paz e alegria no coração, a paz e alegria habitarão na constância dessa nossa vida,mesmo que o cenário seja triste.

    ResponderExcluir
  2. Chorar por nao ter pés... nao sei...
    Chorar por nao ter sapatos, quem sabe...
    Existem aqueles que vivem dos sapatos dos outros.
    Nem ai se importando se sao numeros maiores ou menores que o seu...
    Sapatos que podem ser de qualquer tipo nao importa.
    Nao se dao conta se fazem calos, se sao confortaveis, se apertados ou frouxos...
    Sapatilhas, tenis, sapatos, chinelos, botas...
    Que diferença faz?
    Para alguns, o que importa é a vida alheia.
    Depois vem o choro porque perderam os pés.
    A Biblia diz: "muito cuidado com as palavras e atitudes que nao digam respeito a voce pois, sua dimensao sera a partir do que as pessoas veem em voce ou do que diz" (parafraseando Mateus 7.2

    Abraços querida. Continue nessa sua "constancia" sei que possui sapatos próprios.

    ResponderExcluir