terça-feira, 7 de abril de 2009

.jOnAs.ou.eU.?.

Jonas indiferente, consciente
do erro, do pecado, do perdão
JONAS FUJÃO
Jonas no porão dorme tranquilo na turbulência,
tentando esquecer sua essência
se esconde no breu.
Chego mais perto e vejo ao certo:
NÃO É JONAS, SOU EU!

Jonas aturdido, engolido
pelo grande peixe no mar
JONAS SEM AR
Jonas que clama e é vomitado à beira-mar,
Jonas na praia, sujo e ao léu.
Chego mais perto e vejo ao certo:
NÃO É JONAS, SOU EU!

Jonas profeta, que decreta:
o arrependimento e a salvação
JONAS GRITANDO
pelas ruas de Nínive anunciando
o juízo do céu.
Chego mais perto e vejo ao certo:
NÃO É JONAS, SOU EU!

Jonas irado, indignado
pois Deus ouviu do povo o clamor
JONAS SENTANDO
debaixo da planta, protegido do calor.
Jonas que se esquenta, e por isso lamenta
a planta que o bicho comeu.
Chego mais perto e vejo ao certo:
NÃO É JONAS, SOU EU!

Jonas egoísta, com medo de amar
Jonas que prefere ser lançado ao mar.
Jonas que no ventre do peixe encontra redenção
Mas que não quer para os outros a salvação.
Jonas que não lamentaria
a morte de tanta gente
Jonas que pregou, mas não creu.
Jonas que não se arrepende,
mas continua indiferente:
ESSE JONAS SOU EU!


04.09.07

3 comentários:

  1. Isso é a pura verdade! Muitas das vezes somos filhos egoistas q nao gosta q nossos irmao recebam as bençaos do Pai. Assim como foi o irmao do filho prodigo.
    Eu acho que quem mais precisava d arrependimento era Jonas, ja que ele demostrava ciumes de Deus.

    ResponderExcluir
  2. Com certezaaaa ! Esse Jonas sou eu !
    Paz amada e que Deus te abençoe grandemente.

    ResponderExcluir
  3. =)
    Menina...
    Parabéns viu...
    O ki é istoOo...
    Este poema tinha ki ser seu mesmoOo...

    Abração...
    E pode ondicar meu blog sim...
    Pq eu já indiquei o seu...
    hahahaha...

    ResponderExcluir