segunda-feira, 18 de julho de 2011

..."sEm VerGoNhiCe"...


Dia desses alguém me parabenizou por um trabalho, na frente de outras pessoas. Fiquei com vontade de me esconder de tanta vergonha. Sou tímida, mesmo que não pareça e pra mim, às vezes é difícil lidar com elogios ainda mais quando são públicos. Fico sem saber o que fazer, me constranjo e então agradeço sinceramente.

Elogios são importantes, com certeza, e fico feliz por eles. Mas, sem dúvida, melhor que receber um elogio, é merecer um. E isto não é tão fácil. Porque a questão não é agradar os outros, mas fazer com amor aquilo que você tiver que fazer.

Parece engraçado, mas às vezes tenho vontade de ser uma “sem vergonha”. Sem vergonha de receber um elogio, sem vergonha de abraçar quem amo, sem vergonha de sorrir e chorar, sem vergonha de errar e pedir perdão. Neste sentido, quero ser cada vez mais sem vergonha. Sem medo, sem precisar ponderar.

Termino com o conselho de um amigo, desejando que isto seja verdade cada dia mais em minha vida: “Adelita, guarde-se o suficiente para se expor de maneira eficaz.” Sei que há momentos que devo me esconder e momentos que tenho que me expor. Mas que antes de tudo, eu não tenha vergonha de encarar nenhum desses momentos e que com amor eu viva e aceite cada um deles a seu tempo.


=]

Um comentário:

  1. Essa é realmente uma questão delicada. Como receber elogios? Acho que você está certa! Agradeça sinceramente e renda o louvor a Deus.
    Beijos,

    Mila.

    ResponderExcluir